Ciclo de vida do consumidor no e-commerce: tire suas dúvidas!

Não é preciso ser um expert em marketing digital para saber que o acompanhamento do ciclo de vida do consumidor é um dos fatores cruciais para o sucesso de qualquer negocio online. Porém, alcançar a fidelidade do cliente não é uma tarefa tão simples.

É preciso estar atento à forma como sua empresa está se relacionando com o público. E entender quais estratégias são realmente eficientes para mantê-lo engajado por mais tempo. Para sua maior compreensão sobre o assunto, explicaremos, neste post, o que é o ciclo de vida do consumidor. E quais são seus principais estágios. Vamos lá?

ciclo-de-vida-do-consumidorDo que se trata?

Bem, em termos práticos, podemos dizer que o ciclo de vida do consumidor (lifecycle) nada mais é do que o gerenciamento do relacionamento da empresa com o cliente. Ele descreve algumas etapas importantes que a pessoa percorre antes, durante e depois de concluir uma compra.

Ou seja: o ciclo de vida do consumidor tem, como princípio, manter uma base de clientes ativa e geradora de receita.

Quais são os estágios do ciclo de vida do consumidor no e-commerce?

lifecycle pode ser dividido em 5 estágios. Dessa forma, se torna mais fácil não só elaborar estratégias de marketing específicas para cada um deles, como também mensurar, avaliar e aprimorar os resultados obtidos.

Vejamos, então, as 5 principais fases do ciclo de vida do cliente:

1. Alcançar

Nesse primeiro estágio, é fundamental trabalhar na divulgação de sua marca. É hora de buscar alcançar o seu público-alvo. Com estratégias de marketing inteligentes e capazes de aguçar sua curiosidade sobre os produtos oferecidos. O foco aqui deve ser prospectar o maior número possível de leads e, depois, levá-los pela jornada de compra.

2. Adquirir

O ponto-chave dessa etapa é estimular os leads a se tornarem clientes. Portanto, é preciso fazer com que eles conheçam e gostem de seus produtos, de modo que se interessem por adquiri-los.

Conhecer seu público-alvo no estágio 2 é muito importante. Isso porque, dessa forma, fica mais fácil criar campanhas segmentadas, que possam otimizar melhor o seu funil de vendas com conteúdos mais ricos e relevantes.

Aqui, você também deve procurar acompanhar seus consumidores. Descubra em quais canais de comunicação eles costumam interagir. E busque compreender melhor suas expectativas e necessidades. Saber a priori quem é seu cliente ideal é bastante útil na hora de planejar suas estratégias de marketing. E definir os pontos onde serão aplicados os recursos disponibilizados.

ciclo-de-vida-do-consumidor-ecommerce3. Desenvolver/fidelizar

Uma vez que um cliente tenha realizado sua primeira compra, é hora de pensar em algumas ações para manter o contato e aprofundar o relacionamento com ele. Esse é o momento certo de fazer com que a pessoa se torne fiel à sua marca.

Por isso, não economize esforços para deixar o consumidor cada vez mais feliz. Gerar satisfação deve ser sua primeira estratégia nesta fase. Uma boa dica para aumentar o ciclo de vida do consumidor é criar promoções ou programas de fidelidade que valorizem e façam com que ele tenha a sensação de exclusividade.

Nunca deixe de interagir e de dar respostas a qualquer questionamento. Afinal, os comentários e feedbacks do público são muito importantes para melhorar o engajamento com a marca. E desenvolver uma política de bom atendimento.

4. Reter

Se o seu desejo for reter clientes e realizar novas vendas, é bom começar a pensar em formas de continuar garantindo a satisfação do público sempre alta. Tente oferecer os melhores serviços para conquistar a confiança desses consumidores e conseguir retê-los por mais tempo.

Você pode fazer isso por meio do envio de e-mails marketing personalizados, com informações de interesse do cliente. Dicas e ofertas de novos produtos ou brindes, por exemplo. O importante é encontrar maneiras de mantê-lo engajado e motivado com sua marca na maior parte do tempo, fazendo com que ele não se esqueça da sua empresa quando surgir uma nova necessidade.

Preste um atendimento diferenciado ao seu público e veja como os resultados das vendas podem superar as expectativas. Com certeza, você conseguirá manter o ciclo de vida do consumidor bem acima do esperado.

Este estágio é considerado um dos calcanhares de Aquiles de muitas empresas. Imagine que o cliente, após a efetivação de uma compra, se sinta subjugado. Ou ache que o produto não cumpriu o que foi prometido. Se isso acontecer, seu ciclo de vida será drasticamente afetado.

Portanto, se quiser manter um lifecycle mais longo, procure sempre entender as insatisfações do público. E buscar por soluções para contorná-las da forma mais satisfatória possível. Dessa forma, você conseguirá evitar a perda desse cliente para um concorrente mais esperto.

5. Recomendar

Passado o estágio de retenção, chegou o momento ideal para tornar o cliente um defensor de sua marca no mercado. Lembre-se de que consumidores contentes sempre estarão dispostos a compartilhar com mais alguém suas satisfações.

Além do mais, clientes felizes costumam ser mais leais e engajados com tudo o que uma empresa faz e publica na internet. As recomendações positivas e o marketing boca a boca são capazes de converter muito mais. E aumentar o ciclo de vida do consumidor de seu e-commerce de forma bem significativa.

A principal dica para esta etapa é sempre buscar oferecer a melhor experiência para o usuário dentro da sua plataforma. Há bons softwares de controle de gestão e gerenciamento de clientes. Que podem auxiliá-lo a otimizar as vendas e a oferecer uma melhor navegabilidade.

Enfim, o ciclo de vida do consumidor envolve muito mais do que simples estratégias para fidelizá-lo. Não se esqueça de que ele é o ponto de partida para o sucesso do seu negócio.

Por isso, é necessário otimizar todos os 5 estágios e conseguir compreender o comportamento de seus clientes dentro de cada um deles. Assim, será possível planejar conteúdos diferenciados. Alcançando a tão desejada sintonia com público-alvo de sua marca.

E aí? Agora você entendeu como funciona o ciclo de vida do consumidor? Se quiser saber mais sobre como otimizar seu negócio online, vale a pena conferir nosso guia inteligente sobre redução de custos no e-commerce!

Deixe seu comentário

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *